Teoria em Evocar os Encantados para mvoeres nas danças populares


Dos ensinamentos de Marina Souza (Risoflora Pernambuco)


3 eixos:

Jurema Sagrada - ponto de partida; terreno

Danças populare - poética e estética; sentido

Psicologia Analítica - Lógica > conteúdo

* Os 3 eixos lançam a flecha


Jurema Sagrada

Vegetação da caatinga

Bebida sagrada feita das raízes

Tradição espiritual mágico-curativa de matriz indígena

Atuar na aproximação com os Encantados

COSMOVISÃO

- Principio da integridade

- Ancestralidade como força de continuidade

- Espiritualidade como exercício ético

- Metáfora como implicação da realidade

Objetivo: ultrapassar a morte e suspender o céu.

*Um dos princípios da cosmovisão indígena é a humanização, à medida em que nos percebemos ligados à natureza, parte de uma única consciência.


Os Caboclos

Arquétipo do guerreiro, filho da terra

O guia, quem tem o poder de ordenar e orientar

O visionário, sempre um passo à frente

*Em um mundo que aniquila a subjetividade, marginaliza e desencanta, a ciência do caboclo é flecha certeira, equilibra, aponta o caminho, fortalece as lutas.


A espiritualidade nas danças populares

Espiritualidade ----- exercício cotidiano de si

Dança ----- portal de acesso à memória

Ancestralidade ----- força de sentido à vida

*Espiritualidade é diferente de dogma.


Como funciona essa psicologia analítica?

Usar a lógica e não o pastiche da argila retórica dos conteúdos mimetizados para uma universalização de saberes complexos. Hackear os arquétipos junguianos.

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Não basta aquecer durante a cena dos Ossos - Faz-se urgente uma CENA ZERO que traga recursos de escuta e (auto)cuidado entre dançarines. O que nos nutre sem ser a estrutura dramatúrgica? Onde estão no

Vontade de enviar um artigo não respeitando muito as questões acadêmicas, mas escrito pelos 5 dançarinos com subtítulos como: - Apanhar em praça pública de uma criança e sua mãe bolsonarista - Um poli