SEREIA | quero tudo pra mim, do que há de bom e ruim





primeiro, ela lava, pra juntar tudo o que foi jogado, esquecido, descartado. o que ficou pra trás e o que não deu tempo de seguir em frente. lava junta o que os outros não querem. e também o que querem, mas, agora, só ela pode ter.





e, então, ela suga. puxa. trás pra si. e engole absolutamente tudo, por todos os buracos do seu corpo.











15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo